terça-feira, 22 de setembro de 2009

Você sabia?

Trago para nossa reflexão o pensamento do sociólogo francês Dominique Wolton, que entre outras áreas de estudo, se dedica à comunicação.
Wolton ressalta que vivemos hoje uma grande contradição entre a velocidade da tecnologia e a lentidão da comunicação.
Não basta produzirmos e distribuirmos milhares de informações que a tecnologia nos permite. para termos comunicação. Não basta informar para comunicar. A comunicação é mais complexa, profunda, porque implica o reconhecimento da alteridade do outro.
Para que haja comunicação é preciso que os homens se compreendam. É preciso pensar o outro, reconhecer que ele pensa diferente de nós. É preciso negociar sentidos para comunicar.
Negociamos com nossos alunos? Reconhecemos sua alteridade? Conseguimos nos comunicar com eles? "Violência é quando as pessoas não se comunicam mais. Violência é a falta de comunicação", afirma Wolton.
Para ele, há sempre o sonho de que as técnicas melhorem as comunicações. Com isso, acabamos transferindo para elas o problema e as dificuldades da comunicação, que são absolutamente humanos.
Se as técnicas resolvessem o problema da comunicação, não haveria mais guerras, porque todos se compreenderiam. Porém, temos todas as técnicas hoje, mas não temos a paz.
O homem pode ser ruim ou bom, mas a técnica é neutra. Ela é o que o homem faz dela, porque o problema da comunicação é humano, não é técnico. É político.
Somos seres sociais, não técnicos, diz Wolton. As relações humanas são infinitamente mais complicadas que a técnica. Talvez por isso, gostemos tanto dela, por causa de sua simplicidade e aparente transparência.
E aí companheiros? Estamos usando as tecnologias para aproximar as pessoas? Para nos aproximarmos de nossos alunos? Ou estamos transferindo o nosso problema de comunicação para a tecnologia?
Como diz Wolton "não é a técnica que permite a utopia humana, mas a utopia humana que permite a técnica".
Pra finalizar, deixo vocês com o vídeo "Você sabia?" sobre o impacto das tecnologias em nossas vidas. Boas reflexões!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário