segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Televisão ainda é a mídia mais acessada pelos jovens americanos

O boom de celulares, iPods e sites como o YouTube entre crianças e adolescen- tes impulsiona uma mudança no modo como esse público vê TV: eles consomem mais conteúdo produzido para a televisão, mas ficam menos diante do televisor. A afirmação é da Kaiser Family Foundation, que acaba de divulgar a pesquisa Generation M2 - Media in lives of 8 to 18 years old. O levantamento ouviu 2.002 americanos, na faixa etária dos oito aos 18 anos.

Apesar de o conteúdo de televisão ser o mais consumido dentre as opções de entretenimento (são 4h29 diárias, 38 minutos a mais do que em 1999), pela primeira vez na década, o tempo diante do televisor caiu: são 25 minutos a menos em dez anos (3h04 em 2009 contra 2h39 em 1999). Um dos motivos é o fato de os aparelhos portáteis ganharem mais espaço: 20% do consumo total (2h07) acontece em celulares, iPods e vídeo games portáteis.Segundo o estudo, 59% dos entrevistados assistem aos programas de TV do jeito “clássico”, ou seja, no televisor no horário em que são transmitidos, e 41% usam também outros aparelhos para ver o conteúdo televisivo. 71% dos jovens têm televisores em seus quartos.

Generation M2 mostra que a televisão é, portanto, ainda a mídia mais consumida pelos jovens americanos. Logo depois aparecem: música (2h31 diárias), computador (1h29 diária), videogame (1h31 diária), impressos (38 minutos diários) e filmes (25 minutos diários).

Esta é a terceira pesquisa – nos mesmos moldes – que a instituição faz. A primeira foi realizada em 1999 e a segunda, em 2004. De 1999 para 2009, o tempo que os jovens ficam expostos à mídia cresceu em 2h12. Crianças e jovens na faixa dos oito aos dez anos passam, em média por dia, 7h51 com a mídia. Os que têm entre 11 e 14 anos, 11h53. Já os mais velhos, dos 15 aos 18 anos, 11h23.

Outros resultados:
- O percentual de crianças e adolescentes com celular passou de 39% em 2004 para 66% em 2009. Os jovens passam 49 minutos por dia usando o celular para ouvir música, jogar ou ver TV. O celular é usado por 33 minutos por dia para falar com amigos e outras pessoas.

- A posse de iPods e outros players de MP3 subiu de 18% para 76% entre as crianças.

- A TV ainda é o meio que domina - o consumo é de 4 horas e 29 minutos por dia. São 38 minutos a mais do que há cinco anos.- 59% dos entrevistados disseram que seu consumo diário de TV envolve estar diante de um televisor tradicional assistindo à programação no momento em que ela é transmitida pelas emissoras. Mas 41% responderam que também vêem programas através de DVRs, vêem conteúdo de TV na internet, assistem a DVDs e vêem vídeos em aparelhos móveis.

- A multitarefa é um fenômeno que permite às crianças e jovens condensar o consumo de mídia - as 7 horas e 38 minutos diárias de mídia equivalem, na verdade, a 10 horas e 45 minutos porque mais de um meio é utilizado simultaneamente.

- Além da TV, também são populares entre as crianças a música (2 horas e 31 minutos diários), o computador (1 hora e 29 minutos) e os videogames (1 hora e 13 minutos). Por outro lado, a mídia impressa é consumida por apenas 38 minutos por dia.

- Quando estão online, os jovens passam 22 minutos em média por dia em sites de rede social. 74% dos pré-adolescentes informaram já ter criado seus perfis em sites de rede social. Na internet, a garotada também passa um bom tempo jogando (17 minutos em media por dia) ou visitando sites de video (15 minutos/dia em média).

Para ver um vídeo sobre a pesquisa basta acessar:
Video: Profiles of Generation M(2) - Kaiser Family Foundation

Fonte: Revista PontoCom

Nenhum comentário:

Postar um comentário