domingo, 16 de maio de 2010

Power Point = Inimigo ?

O TiagoDF, colaborador do blog Educomunicação, de Portugal, sugeriu como leitura uma matéria recente do New York Times sobre o impacto do Powerpoint nas campanhas militares dos EUA. O título é: "We Have Met the Enemy and He Is PowerPoint" ,foi escrito porElisabeth Bumiller e publicado em 26 de abril (2010). Tiago destaca alguns trechos:

A imagem do power point mostra a complexidade da estratégia norte-americana no Afeganistão.

"O Powerpoint faz-nos estúpidos", disse este mês numa conferência militar na Carolina do Norte o General James N. Mattis dos Fuzileiros (Falou sem Powerpoint). O Brigadeiro-General H. R. McMaster, que baniu as apresentações de Powerpoint quando comandou os esforços bem sucedidos para controlar a cidade iraquiana da Tal Afar em 2005, foi o seguinte na mesma conferência, comparando o Powerpoint a uma ameaça interna.
(...)

"É perigoso porque pode criar a ilusão da compreensão e do controlo", afirmou o General McMaster numa entrevista por telefone mais tarde. "Alguns dos problemas do mundo não são do tamanho de bullets."
(...)

No ano passado quando um site militar, Company Command, perguntou ao líder de um pelotão do Exército no Iraque, Tenente Sam Nuxoll, como é que passava a maior parte do tempo, ele respondeu: "A fazer slides de Powerpoint". Quando o entrevistador insistiu, ele afirmou que estava a falar a sério."

Nenhum comentário:

Postar um comentário