sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Jornalista Helena Freitas lança livro contando história do DN Jovem

Caros leitores, estamos corrigindo este post, que foi escrito com um erro na semana passada. Agora, colocamos o nome correto da autora do livro, ok?


A jornalista portuguesa Helena de Sousa Freitas lançou no dia 28 de setembro, na livraria Bulhosa de Entrecampos, em Lisboa, o livro "O DN Jovem entre o Papel e a Net - História e Memórias de uma Transição", espécie de biografia do suplemento juvenil do Diário de Notícias.


Segundo o professor Manuel Pinto, da Universidade do Minho (Braga/Portugal), nesse suplemento iniciaram vários portugueses que hoje são nomes consagrados em diversas áreas: do jornalismo à literatura, do cartoon à fotografia, da pintura aos quadrinhos.


O DNJ foi extinto em 2007, depois de quase 25 anos de existência. Mas hoje tem até uma recém-criada página no Facebook (http://www.facebook.com/#!/pages/O-DN-Jovem-entre-o-Papel-e-a-Net/269370796414650).


Um pouco do que você vai ver no livro:
Todas as semanas, durante mais de uma dezena de anos, jovens criadores portugueses aguardavam as terças-feiras com ansiedade, contando as horas para verificar se os trabalhos enviados para o DN Jovem haviam sido seleccionados. Mas em Maio de 1996 o suplemento juvenil migrou para a Internet – meio então inacessível à maioria dos portugueses. Levantaram-se vozes de protesto, circulou um manifesto e...
Ver mais no livro: ISBN 978-989-680-034-5 (Por Editor Esfera do Caos e Helena Freitas)
Fonte: Educomunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário