quinta-feira, 22 de setembro de 2011

PUC disponibilizará vídeos de Paulo Freire para consulta

O educador completaria 90 anos no dia 19/9
Para comemorar os 90 anos do educador Paulo Freire, o Centro de Documentação e Informação Científica (Cedic) da PUC-SP, disponibilizará 70 fitas VHS recuperadas para consulta de pesquisadores e estudantes. O educador, nascido em 19 de setembro de 1921, ministrou aulas na instituição até 1997, quando faleceu.

As imagens de Freire ainda não têm data para serem liberadas ao público. De acordo com o Cedic, a assessoria jurídica da universidade está em negociação com Ana Maria Araújo Freire, viúva do educador. Parte das fitas já foram passadas para DVD, mas algumas estão em processo técnico para gravação da mídia.

O material foi digitalizado em conjunto com o projeto Armazém Memória. “As imagens apresentam facetas do pensamento freireano, com o próprio educador questionando coisas antes de morrer e que hoje tem uma atualidade impressionante”, diz o coordenador do projeto, Marcelo Zelic.

Em uma das fitas, Freire fala sobre o ensino à distância. Para ele, não há diferença entre esse modo de educação e o presencial, “porque o principal é o objetivo a ser percorrido, já o método que é utilizado para isso tanto em um espaço como no outro não é o mais importante”, pontua Zelic.

“Desenvolvemos esse trabalho de identificar e recuperar para ajudar a produzir saberes compromissados. Que viva Paulo Freire!”, justifica a coordenadora do Cedic, Heloísa de Faria Cruz. “É uma forma de preservar e ao mesmo tempo de abrir para o acesso”, completa o coordenador do Armazém Memória.

Em um primeiro momento, as fitas serão disponibilizadas para consulta presencial no campus da PUC-SP localizado na Rua Monte Alegre, 1104, em Perdizes, São Paulo (SP). Mas, há discussões para que o material seja acessado também na Internet.

“Estamos conversando como fazer. Ainda está em negociação o que pode entrar. Tem fitas que pegamos de programas de televisão com Paulo Freire, então é preciso resolver a questão do direito autoral”, explica Zelic.

Fonte: Portal Aprendiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário