sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Educomunicação é levada a Guiné Bissau por curso a distancia gerenciado no Brasil

Compartilhamos com alegria notícia publicada no site da licenciatura em Educomunicação da ECA/USP sobre uma formação em Educomunicação na Guiné/Bissau, coordenada pela colega Maria-Rehder.


No sábado, dia dia 5 de novembro de 2011, enquanto pesquisadores da ECA-USP se encontravam reunidos em Atibaia, SP, para discutir tecnologia em sua relação com a comunicação e a formação profissional na área, o Núcleo de Comunicação e Educação da mesma universidade chegava a Guiné-Bissau, inaugurando uma turma do curso a distância Mídias na Educação, por ele administrado junto a 3.000 professores do Estado de São Paulo, usando os recursos da educação a distância com atividades presenciais.



Iniciava-se, desta forma, a primeira formação de educomunicadores na Guiné-Bissau, país lusófono localizado na África Ocidental. A iniciativa tem o apoio do do Centro Cultural Brasil-Guiné-Bissau, órgão ligado à Embaixada do Brasil na Guiné-Bissau. 
O Mídias na Educação é um projeto do MEC direcionado a professores de todo o país. Sua aplicação no estado de São Paulo se faz mediante uma parceria entre o NCE-USP e a UFPE.
Em Bissau, as atividades presenciais estão sendo implementadas por Maria Rehder, membro da equipe do NCE-USP, com experiência anterior como mediadora no projeto Educom.Radio junto às escolas do município de São Paulo. Reher ocupa, hoje, o camgo de oficial de comunicação da ONU, em Guiné Bissau.
Veja maiores detalhes e fotos no blog: http://midiasguinebissau.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário