terça-feira, 30 de outubro de 2012

IV Encontro Brasileiro de Educomunicação começa com premiação de iniciativas na área


Por Jéssica Delcarro (ES) e Reynaldo de Azevedo Gosmão (MG), da Renajoc e da Agência Jovem de Notícias

Começou na manhã dessa quinta-feira (25) o IV Encontro Brasileiro de Educomunicação, no auditório do SEPAC Editora Paulina, o evento pretende proporcionar a troca de experiências entre os participantes e mostrar pesquisas abordando os conceitos de educomunicação realizadas na África, América Latina e, em especial, no Brasil.
Durante a solenidade de abertura, com cerimonial conduzido pelas adolescentes Jéssica Bruna de Souza e Andressa Melo, do Projeto nas Ondas do Rádio, foi dado as boas vindas aos participantes pela diretora do Serviço à Pastoral da Comunicação (Sepac), Helena Corazza, pela Profa. Dra. da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, Roseli Fígaro e pelo coordenador geral do evento, Prof. Dr. Ismar de Oliveira Soares. Para ele a troca de experiência será o ponto alto do Encontro. “O evento tem como principal perspectiva articular redes entre quem faz e pesquisa a educomunicação”.
Antes do início dos trabalhos, aconteceu a cerimônia de entrega do Prêmio Mariazinha Fusari de Educomunicação, que tem como objetivo valorizar iniciativas e pessoas que desenvolvem processos educomunicativos.
Foram homenageados diversos educadores e professores brasileiros e, pela primeira vez, também uma figura internacional, o pesquisador Roberto Giannatelli, doutor e sacerdote salesiano, fundador da Faculdade de Comunicação da Universidade Pontifícia Salesiana de Roma, da qual foi Reitor  e um dos criadores do MED – Associação Italiana de Educação para a Mídia e a Comunicação, do qual era presidente de honra.
O coordenador do projeto Mídias Educação, Richard Romancini, um dos homenageados, comemorou a premiação. “Mais que uma importância individual, receber o prêmio é o reconhecimento do trabalho”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário