segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Salas de aula pelo mundo


Desde 2004, o inglês Julian Germain percorreu 19 países, dentre eles o Brasil, fotografando salas de aula. O resultado do projeto se transformou em um apanhado de 87 imagens de escolas de todo o mundo, publicadas no livro classroom portraits (ou Retratos da Sala de Aula, em livre tradução), da Editora Prestel, lançado em setembro deste ano.
Em todas as salas de aula que visitou, Germain se apresentava, contava do projeto e pedia licença para assistir a aula sentado em um canto. Quando o professor terminava, o fotógrafo posicionava seus equipamentos e tirava o retrato. O procedimento durava, no máximo, 15 minutos. Ele conta que sua preocupação era registrar uma atividade cotidiana. Por isso, pedia que o professor não apagasse o quadro nem que os alunos tirassem seus pertences de lugar. Outro cuidado que tinha era registrar tanto escolas rurais quanto urbanas e atividades de todas as disciplinas. Confira:
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário