quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Lugar de notícia não é mais no jornal, diz Financial Times

Publicação demite parte da equipe do papel e migra esforços para o digital

Ipad Jornal
Um dos jornais mais tradicionais do mundo, o britânico Financial Times está cedendo cada vez mais ao universo virtual.

Em entrevista ao Observer repercutida pelo The Wall, o editor da publicação, Lionel Barber, disse que lugar de notícia não é mais no papel. Isso agora é trabalho da internet.

Segundo ele, a função do jornal está mudando ao longo dos anos. Enquanto ainda apresentam notícias fortes nas primeiras páginas, o "arroz com feijão" diário tem aspecto de informação velha, porque boa parte dos leitores já viram aquilo na rede.

Barber falava sobre as estratégias digitais do veículo, que teve de cortar 35 empregos ao jogar o papel para um segundo plano. Tudo isso vem junto da especulação de que o FT está à venda.

As mudanças são necessárias, segundo ele, para garantir o futuro de veículos antigos como o em que trabalha, que são "constantemente interrompidos por novos operadores, como Google, LinkedIn e Twitter".

"Nosso negócio está mudando. Não precisamos mais atualizar o jornal através da noite, portanto, não precisamos de tantas pessoas trabalhando em horas não-sociais produzindo notícias em tempo real. Isso é o equivalente à era do vapor. As notícias já estão atualizadas no site", disse o editor.


Fonte: Olhar Digital (http://olhardigital.uol.com.br/negocios/digital_news/noticias/lugar-de-noticia-nao-e-mais-no-jornal,-diz-financial-times)

Nenhum comentário:

Postar um comentário