sexta-feira, 19 de abril de 2013

Curso Mídias na Educação iniciou defesas da especialização (4ª oferta) dia 13/04


No último sábado, dia 13 de abril, teve início a finalização da 4ª oferta do curso Mídias na Educação, em São Paulo, com a feitura das bancas de defesa de 32 monografias.

Como sempre, nas ocasiões de defesas, os sentimentos de apreensão, alívio e alegria estiveram presentes. Após muito esforço, os professores concluíram a especialização. A mesma sensação de contentamento predomina na equipe, nesse momento, principalmente por compartilhar aprendizagens e construir conhecimentos, como notou o orientador Paulo André Kulsar, com “professores que nos mostram que, com dedicação e interesse, é possível mudar a cara da educação no Brasil”. 

O também orientador Marcellus William Janes comentou que sua maior recompensa, na realização do curso, foi obtida ao ouvir a seguinte frase de uma cursista, durante a defesa da monografia: “Meu projeto no Mídias já mexeu com a cabeça dos outros professores de minha escola e estamos repensando muitas práticas”.

Repensar práticas, a partir dos estudos realizados, com efeito, é um dos objetivos mais importantes do curso. E essa preocupação transparece tanto nos trabalhos quanto em outras falas. A cursista Paula Fernanda Catarino (que foi orientanda da professora doutora Tania Callegaro), por exemplo, disse que o Mídias na Educação lhe deu não apenas vontade de continuar e aprofundar os estudos, mas também de aperfeiçoar sua prática pedagógica. 

A professora Shirlei Alexandra da Cunha (que foi orientada pela professora doutora Adriana C. Capuchino) notou que, embora muitas vezes o professor use as mídias de modo tradicional, a formação pode estimular a criatividade dos docentes, fazendo com que o uso das mídias torna-se mais inovador e relevante. Ela destacou outro ponto: agora, tendo passado pelo curso, pretende ser uma multiplicadora, ensinando outros professores. Nessa perspectiva, a professora doutora, que foi orientadora do Mídias, Maria Claudia Alves de Santana Regis, observou que: “Aqueles que vão fazer a diferença na escola”, a partir do que aprenderam no curso, “irão fazer com qualidade”.

“Não basta colocar a mídia, o computador sozinho”, para garantir aprendizagens, comentou a cursista Luciane Aparecida Camargo (que defendeu uma monografia sobre o computador e a internet como parceiros na produção textual escolar, orientada pela professora mestre Kassandra Britto), por isso formações como oMídias na Educação são importantes. 

Ao longo da semana, o Blog do Mídias na Educação publicará alguns vídeos, fotos e relatos de cursistas e membros da equipe, mostrando mais aspectos do primeiro dia de defesas e do curso de maneira geral. É só acessar: 
http://blog.midiaseducacao.com/2013/04/midias-na-educacao-primeiro-dia-de.html

Os próximos dias de defesa são 20/04, 27/04 e 04/05.

Fonte: Blog Mídias na Educação

Nenhum comentário:

Postar um comentário