terça-feira, 16 de abril de 2013

Projeto Minha escola, Meu cinema entra em ação


Projeto Minha Escola, Meu Cinema é a nova proposta da Fundação Abrinq – Save the Children para desenvolver uma visão crítica e estimular o protagonismo juvenil. Com patrocínio da Reckitt Benckiser, o Projeto prevê a criação de 12 cinematecas nas escolas públicas do Ensino Médio, localizadas no Butantã, em São Paulo.
 
Além de dar oportunidade ao acesso à produção audiovisual para a população nos bairros da periferia da cidade, o Projeto tem como objetivo, por meio da exibição de filmes, contribuir para uma leitura crítica das temáticas relacionadas à educação e direitos humanos, discutindo a realidade do entorno e suas repercussões no cotidiano das comunidades.
 
Serão capacitados até 100 professores e coordenadores pedagógicos das 12 escolas participantes do Projeto, além de 12 voluntários da Reckitt Benckiser. A capacitação consiste em preparar a equipe docente e os voluntários para atuar com os recursos audiovisuais e temas relacionados aos Direitos Humanos.
 
Em ação
 
No início do mês de abril (dia 2), a A Fundação Abrinq – Save the Children reuniu-se com a Diretoria Estadual de Ensino Centro Oeste do município de São Paulo e com as 12 escolas de Ensino Médio participantes, com o objetivo de apresentar o Projeto Minha Escola Meu Cinema e discutir como serão desenvolvidas as ações, que se desdobram em:

  • ·         Formação de técnicos, diretores, coordenadores pedagógicos e professores com os temas relacionados aos Direitos Humanos e o uso do audiovisual;
  • ·         Educação como direito humano a luz dos referenciais teóricos;
  • ·         O uso da linguagem audiovisual na educação;
  • ·         Dinâmicas e exercícios que incorporem criativamente e a linguagem de vídeo aos processos de ensino/aprendizagem das diferentes disciplinas na construção do Projeto. 


Neste encontro também foram discutidos o plano de reforma e criação das 12 Cinematecas e a viabilidade de incluir Mostras de Cinema para as comunidades do entorno dentro do Programa Escola da Família.
 
As 12 escolas participantes serão beneficiadas com uma sala de cinema equipada com todos os recursos necessários para as Mostras de Cinema. Além disso, cada escola construirá um Projeto de Trabalho para o uso das Cinematecas e dos 100 vídeos que serão doados para o acervo com a temático dos Direitos Humanos.

Fonte: Fundação Abrinq - Save the Children

Nenhum comentário:

Postar um comentário