segunda-feira, 22 de abril de 2013

Unesco lança em português publicação "Alfabetização mediática e informacional - Curriculo para a formação de professores"


Nosso blog já havia publicado as versões em espanhol e inglês e agora tem a alegria de anunciar que a Unesco lançou a versão em português da publicação "Alfabetização mediática e informacional - Currículo para a formação de professores".

A obra conta com a contribuição de diversos especialistas internacionais que sugerem tópicos imprescindíveis para um currículo de alfabetização mediática. A ideia é ajudar os professores a explorar e compreender o tema a partir dos seguintes pontos:
  • as funções das mídias e de outros provedores de informação; como eles operam e quais são as condições ótimas necessárias para o cumprimento eficaz dessas funções; 
  • como a informação apresentada deve ser criticamente avaliada dentro do contexto específico e amplo de sua produção;
  • o conceito de independência editorial e jornalismo como uma disciplina de verificação;
  • como as mídias e outros provedores de informação poderiam contribuir racionalmente para 
  • promover as liberdades fundamentais e a aprendizagem continuada, especialmente à medida que 
  • eles relacionam como e por que os jovens acessam e usam as mídias e a informação hoje, e como eles selecionam e avaliam esses conteúdos;
  • ética nas mídias e ética na informação;
  • as capacidades, os direitos e as responsabilidades dos indivíduos em relação às mídias e à informação;
  • padrões internacionais (Declaração Universal dos Direitos Humanos), liberdade de informação, 
  • garantias constitucionais sobre liberdade de expressão, limitações necessárias para impedir a 
  • violação dos direitos do próximo (questões como linguagem hostil, difamação e privacidade);
  • o que se espera das mídias e dos outros provedores de informação (pluralismo e diversidade 
  • como normas);
  • pontes de informação e sistemas de armazenamento e organização de dados;
  • processos de acesso, busca e definição de necessidades informacionais;
  • ferramentas de localização e busca de dados;
  • como entender, organizar e avaliar informações, incluindo a confiabilidade das fontes;
  • criação e apresentação de informações em diversos formatos;
  • preservação, armazenamento, reutilização, gravação, arquivamento e apresentação de informações em formatos utilizáveis;
  • uso de informações para a resolução de problemas e para a tomada de decisões na vida pessoal, 
  • econômica, social e política. Apesar de ser extremamente importante, este item representa uma 
  • extensão da AMI que está muito além do escopo do presente currículo".
Para ter acesso à publicação, basta clicar no link: http://unesdoc.unesco.org/images/0022/002204/220418por.pdf

Um comentário:

  1. Oii Cristiane! Excelente! Obrigadíssima pela partilha! Já havia lido com o tradutor automático. Agora vou poder usar com a tradução perfeita, na língua pátria.
    Sou leitora assídua do teu blog, que tenho como referência e, recentemente, ao criarmos perfis institucionais da Smecd, passamos [a equipe] a segui-la nas redes!
    Registro os parabéns pelo excelente trabalho, tão contributivo a educação!! Obrigada!! bzzuuss

    ResponderExcluir