Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

Cúpula de Mídia: conselho jovem propõe recomendações para 2013

Imagem
Seis propostas de ação para a interface entre crianças, jovens e a mídia. Este foi o principal resultado da Cúpula Mundial de Mídia para Crianças e Adolescentes, realizada em Karlstad, na Suécia.

As recomendações foram formuladas pelos integrantes do Global Youth Media Council, uma espécie de conselho jovem, representativo de 20 países, criado para ser o porta-voz do público infanto-juvenil no evento.

A ideia dos 35 integrantes do conselho é que as propostas/recomendações sejam alcançadas até o ano de 2013, quando será realizada a próxima Cúpula Mundial de Mídia, desta vez em Bali, na Indonésia. (Em 2004 a cúpula foi realizada no Rio de Janeiro)
Confira as recomendações: O acesso à internetGovernos, operadoras de telefonia móvel e empresas de multimídia devem trabalhar juntos para garantir acesso gratuito à internet ou a preços acessíveis nas escolas e bibliotecas.
Assegurar uma navegação segura na webEscola deve ensinar crianças e jovens sobre os perigos da web.

Mais espaço para crianças…

Falas de Barbero!!!

Durante o Seminário Internacional sobre Diversidade Cultural, que aconteceu em Brasília, em junho de 2007, promovido pelo Ministério da Cultura, internautas puderam interagir via chat, por onde expressaram suas opiniões e encaminharam perguntas aos palestrantes. O professor Jesus Martin-Barbero respondeu a algumas das perguntas dos internautas.

Competências do Educador e do Comunicador - Guillermo Orozco

A entrevista abaixo, com o educador e pesquisador Guillermo Orozco foi realizada para o CD/Livro "Comunicación Digital: Competencias Profesionales y Desafíos Académicos" de la Red ICOD.
Guillermo Orozco Gómez é Doutor em Educação pela Universidade de Harvard. Catedrático de Ciêcias da Comunicacão na Universidade de Guadalajara. Coordenador do grupo de trabalho sobre estudos da recepção de ALAIC e catedrático UNESCO.

Bibliografia de cinema e educação

Imagem
Marialva Monteiro, fundadora do Cineduc, preparou uma seleção de livros fundamentais para quem quer saber mais sobre cinema e educação. Reproduzimos aqui suas sugestões e comentários e sugerimos o blog Cineduc para quem estuda a relação cinema e educação!

Dos Meios às Mediações – Barbero, Jesus-Martin – Editora UFRJ, Rio de Janeiro, 1997 Comentário: Conheci os textos do Barbero nas entrevistas que deu na revista da FASE. Finalmente chegou seu livro ao Brasil. Ele é fundamental porque fala das mediações, e do receptor latino-americano. Não trata só de comunicação, mas de antropologia, sociologia, política e sociologia.

Infância, Cinema e Sociedade – Amorim Garcia, Claudia e outros (Coleção Escola de Professores) - Ravil, Rio de Janeiro, 1997
Comentário: é um livro interessante porque reúne professores e cineastas. Traz o resumo de um ciclo de debates sobre alguns filmes e questões da infância e adolescência.

A Imagem – Aumont, Jacques – Ed. Papirus, Campinas, S. Paulo, 1993
Comentário: o li…

Semiótica nas Mediações - Lúcia Santaella

Disponibilizo abaixo conferência de Lúcia Santaella sobre semiótica nas mediações, realizada em Vitória/ES, em 2007, durante o 3º Congresso Internacional de Semiótica. As imagens estão no YouTube e a conferência está dividida em três blocos!





Mundo digital - Lúcia Santaella

Cultura das Mídias e Educação - Lúcia Santaella

Mídia-Educação para o prof. e pesquisador italiano Pier Cesare Rivoltella (parte 1)

Programa de tv brasileiro voltado para crianças é premiado em festival internacional

Imagem
“As Férias de Lord Lucas“ (foto), programa brasileiro da Besouro Filmes e da RBS TV, dirigido por Tatiana Nequete foi uam dos vencedores do festival Prix Jeunesse Internacional 2010. Além dele, outros dois programas latino-americanos também foram premiados: “Una gira diferente“, do Canal Encuentro da Argentina e “La lleva“, da Señal Colombia. Eles foram ganhadores, respectivamente, nas categorias The Next Generation Prize, In the name of UNICEF e Theme Prize.
A edição 2010 do festival teve um número recorde de inscrições, 328. Apenas cerca de 90 delas foram selecionadas como finalistas. Além disso, a presença de muitos programas que tratavam de temas delicados e de natureza complexa (existência de Deus, homossexualidade, atracodidades da guerra, ações contra a mutilação genital na África e meninas muçulmanas que falavam sobre sexualidade, por exemplo) espantou os pré-jurados.
O festival Prix Jeunesse Internacional é celebrado a cada dois anos em Munique e além de debates e oficinas reún…

A comunicação na sala de aula

Compartilhamos abaixo planos de aula da coordenadora pedagógica Carla Lopes, publicados no portal Onda Jovem e na edição 8, de julho de 2007. O tema das aulas era Comunicação. A idéia de Carla era propor atividades para analisar e debater com jovens a criação do espaço cidadão e a formação de identidades na mídia.
Na época em que os planos foram publicados, ela era professora do Colégio Estadual Professor Sousa da Silveira, no Rio de Janeiro e havia desenvolvido com seus alunos o projeto “Mídia: criação do espaço cidadão e formação de identidades”, que integrava o programa político pedagógico do colégio, o “Reflexões e Debates para a Consciência Negra”.
É essa experiência que ela se propõe a compartilhar nos planos de aula abaixo, tendo também como referência o artigo “Circuitos de Acesso”, publicado na revista Onda Jovem (e escrito por nós), na edição que trata da contribuição das mídias à educação juvenil. Para Carla, na era em que vivemos, da tecnologia da informação, educadores e …

A Flor Mais Grande Do Mundo

Em homenagem ao escrito português José Saramago, que faleceu este mês (junho/2010) nosso blog publica uma animação baseada em história infantil do escritor!

Quadrinhos serão usados para discutir sexualidade em escola

Histórias em quadrinhos sobre temas ligados à sexualidade chegarão nas próximas semanas a escolas públicas de todo o país.

A iniciativa é do governo federal e da Unesco (braço da Organização das Nações Unidas para educação e cultura).

São seis gibis, voltados a alunos de 13 a 24 anos, que trazem entre os personagens um gay, um jovem homofóbico, uma adolescente grávida e outra com HIV.

As histórias mostram, por exemplo, as tensões de um adolescente que assume sua homossexualidade e casos de aborto e gravidez precoce.

Um dos ilustradores dos gibis é Eddy Barrows, desenhista do "Superman".

Segundo o governo, o objetivo do material é discutir direitos sexuais com uma linguagem próxima dos jovens. O ministro José Gomes Temporão afirmou que o governo tirou vários "véus" que estão "cobrindo a realidade". "Tem muito preconceito, muita intolerância e muito cinismo", afirmou.

As publicações procuram usar termos informais. "Pra mim todo homem tem um desejo …

Digital/ Media Literacy

Imagem
"After looking over several models and definitions of digital / media literacy, including the overly complicated graphic above, it seems clear that the phrases "digital literacy" and "media literacy" have become nearly synonymous. I tend to think of digital literacy as more device oriented, like being able to operate a smart phone, and media literacy as being able to decipher the messages -- textual, audio, video, etc. -- delivered through such devices. But the literature I read recently about the concepts doesn't seem to back such simple delineation (maybe I should make my argument in this matter). In fact, I think the scholarship muddies the pool from many different directions, making any distinctions between the two terms virtually meaningless. So maybe it would be more worthwhile to spend energy envisioning different levels of digital/media literacy, starting with a base level and an advanced level. (...)".
Brett Oppegaard
Continuar a ler o post:

Como detectar mentiras e manter a verdade: conhecimento de mídias e cida...

Como manter a segurança no YouTube

Google oferece workshops de alfabetização digital

Imagem
As iniciativas do Google não param e uma das mais recentes diz respeito à alfabetização digital. O projeto intitula-se "Digital Literacy Tour" e consta de um conjunto de workshops que compreendem, cada um, um vídeo, um manual do professor, um manual do aluno e uma proposta de apresentação na aula.
Os temas tratados são os seguintes: Detecting Lies and Staying TruePlaying and Staying Safe Online Steering Clear of Cyber Tricks Fonte: Educomunicação

Cùpula Mundial de Mídia para Crianças e Adolescentes acontece na Suécia

Imagem
Até 18 de junho acontece em Karlstad, na Suécia, a Cúpula Mundial de Mídia para Crianças e Adolescentes, que reúne experts, profissionais e pesquisadores do mundo todo na área de infância, adolescência, política e mídia.
Várias organizações mundiais participarão do evento, como a Signis (Associação Católica Mundial para a Comunicação), que estará à frente de 9 oficinas, painéis e sessões cujos temas são: educomunicação, criatividade das crianças, cultura de paz, diálogo intercultural e desafios do futuro. Quem estará por lá também: UNESCO, UNICEF, MED (Associação Italiana de Educação para a Mídia), American Center for Children and Media (Centro Americano para Crianças e Mídia) e NIE/WAN-IFRA (Programa Jornal e Educação da Associação Mundial de Jornais e Editores de Notícias), além de universidades de vários países.
Representando o Brasil a professora Regina de Assis, que foi uma das organizadoras da Cúpula Mundial do Rio de Janeiro, em 2004.
O programa completo da Cúpula de 2010, pode s…

A Educação é a terceira área considerada mais problemática no País

Pesquisa do Todos Pela Educação e da Fundação SM, feita pelo Ibope Inteligência revelou que a educação é a terceira área considerada mais problemática do país. Os resultados foram divulgados nesta semana e mostram a percepção dos eleitores sobre a Educação no país - além das prioridades para os próximos governantes.

A preocupação com a área da Educação está tecnicamente empatada com questões como drogas e empregos e atrás somente de saúde e segurança pública. Além disto, o papel do Estado na melhoria da Educação é cada vez mais percebido pela sociedade.

Para ler a pesquisa "A educação na agenda do próximo governo" na íntegra basta acessar o link: www.euvocetodospelaeducacao.org.br/?p=671

Fonte: Todos pela Educação

E o rádio?

Imagem
Grupo de Pesquisa Rádio e Mídia Sonora da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (INTERCOM) lança, em parceria com a Editora da PUCRS, o e-book E o rádio? Novos horizontes midiáticos, com organização dos professores Luiz Artur Ferraretto, da Universidade de Caxias do Sul, e Luciano Klöckner, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.
A obra possui 40 artigos publicados no XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, realizado em Curitiba, em 2009. Os temas abordam publicidade, criatividade, cidadania e também educação.
Se você ficou interessado(a) em ler, basta acessar o link www.pucrs.br/edipucrs/eoradio.pdf e baixaro o livro gratuitamente.

Escola infantil prepara nova geração de "jornalistas"

Imagem
A matéria abaixo foi publicada no Portal iG. E vale a pena compartilhar com os leitores do blog a iniciativa da professora Ana Paula Emílio Escudeiro, da Escola Municipal de Educação Infantil Antônio Munhoz Bonilha, de São Paulo.

Uma nova geração de "jornalistas" está sendo formada na rede municipal de ensino de São Paulo. Crianças de 4 e 5 anos são os pauteiros, repórteres, fotógrafos e editores de uma rádio e TV cheia de reportagens criativas e entrevistas peculiares.

A Rádio e TV Jacaré, comandada por uma classe do 3º ciclo da Escola Municipal de Educação Infantil Antônio Munhoz Bonilha e criada em outubro do ano passado, possui em seu portfólio três boletins radiofônicos e três reportagens em vídeo e planeja expandir sua atuação para fora da escola, com transmissões para um raio de um quilômetro.

O Jacaré
Tudo começou com um desafio. “Eles queriam me convencer de que, no jardim da escola, viviam cobras, lagartos e jacarés”, conta a professora Ana Paula Emílio Escudeiro, que …

Mídia e Educação

Imagem
O jornal A Tribuna do Planalto, de Goiás, publicou em 5 de junho, uma entrevista com a jornalista que vos escreve e citou nosso blog Mídia e Educação. A jornalista Raphaela Ferro também fala do livro "Ensino Aprendizagem Comunicação", da WAK Editora, organizado por Wendel Freire e Mary Rangel, no qual temos um artigo. Compartilhamos a matéria abaixo:

Cristiane Parente de Sá Barreto é jornalista, professora e educomunicadora. Mestre em Comunicação, Cultura e Educação pela Universidade Autônoma de Barcelona e mestranda em Educação pela Universidade de Brasília (UnB), ela atua principalmente no campo da Educomunicação, tentando mostrar a importância de unir as duas áreas das humanidades em ações unificadas.

Para tanto, ela mantém atualizado o blog http://culturamidiaeducacao.blogspot.com, onde indica livros, vídeos e trabalha informações para quem se interessa pelas relações entre mídia e educação, leitura, infância e educomunicação. De acordo com a jornalista, não há mais como …

Stop motion animation: "Era Uma Vez"

Uma animação muito bacana para ser discutida com grupos de alunos, por exemplo! Onde foram parar as histórias???

Da pedra lascada ao outsourcing

Seminário discutirá a relação mídia e educação

Imagem
Um evento imperdível pra quem trabalha e/ou estuda a relação mídia e educação é o V Seminário Nacional O Professor e a Leitura de Jornal: Educação, Mídia e Formação Docente que acontecerá de 14 a 16 de julho na Unicamp, em Campinas/São Paulo.

Além de mesas-redondas e conferências, haverá oficinas (rádio na escola, jornal na escola e vídeo na escola, entre outras) , apresentação de comunicações científicas e lançamentos de livros. Entre os palestrantes estão Ismar de Oliveira Soares (USP), Inês Sampaio Vitorino (UFC) e Regina de Assis (UERJ).

Para ver a programação, obter mais informações e fazer inscrição é só clicar aqui!

Mafalda

Imagem
Duas tirinhas da genial Mafalda, personagem do argentino Quino, para refletir!

OMS publica recomendações para publicidade de alimentos não saudáveis

Como parte da ofensiva contra doenças não contagiosas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma lista de recomendações internacionais para que os governos regulamentem a publicidade de alimentos e bebidas não saudáveis para crianças. O documento foi aprovado por 27 países em 20 de maio, durante a 63ª Assembléia Mundial de Saúde (World Health Assembly – WHA), realizada em Genebra (Suíça).

Para a OMS, os governos internacionais têm a responsabilidade de desenvolver políticas públicas para reduzir o impacto do marketing de alimentos e bebidas com baixo teor nutricional nas crianças. Com esse objetivo, uma das orientações pede a proibição de comunicação mercadológica desse tipo de produto em ambientes dedicados às crianças, como escolas e playgrounds.

A estimativa é de que mais de 42 milhões de crianças com menos de cinco anos estejam acima do peso ou sofram de obesidade até o fim de 2010 – das quais 35 milhões de crianças de países em desenvolvimento, como é o caso do Brasil. A OM…

Educação para e com as mídias

Veja abaixo entrevista que o Projeto Criança e Consumo, do Instituto Alana, realizou com a professora e pesquisadora Raquel Pacheco sobre influência da mídia na formação da identidade dos jovens e a importância da educação para e com as mídias.

Raquel Pacheco é mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa e Licenciada em Cinema pela Universidade Federal Fluminense, no Rio de Janeiro. Coordena o projeto "Media e Literacia - http://mediaeliteracia.blogspot.com - é membro do Centro de investigação Media e Jornalismo, em Portugal.

É professora universitária em Reportagem e em Educom (Educação e Comunicação). É integrante da Rede de Trabalho do Projeto Criança e Consumo e divulga as ações do Instituto Alana em Luanda, Angola, onde reside hoje e em Portugal.

Criança e Consumo – Em seu livro "Jovens, Media e Estereótipos" você faz uma análise sobre construção da identidade dos jovens pelos meios de comunicação e as implicações disso. O que te levou a fazer …