Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

Livro diz que Google controla silenciosamente a internet

Imagem
Compartilhamos abaixo resenha de Camila Fusco publicada na Folha de São Paulo, no dia 29/10/2011, sobre o livro'A Googlelização de tudo", de Siva Vaidhyanathan. Vale a pena ler e refletir.
O que palavras aparentemente desconexas como Disney, cachorro e amendoim têm em comum?

Para a maioria das pessoas, elas não revelam muito, mas, se digitadas no Google, apontam que a interessada nos temas é possivelmente uma mulher, mãe de filhos pequenos e que sofre de alergias específicas.
Pode ser ainda que, a partir da identificação de seu perfil, a internauta veja mais propagandas de produtos infantis, indicações imobiliárias e, dali a alguns anos, até sugestões de escolas para adolescentes.
Não se trata de pura adivinhação, mas da era em que informações aparentemente simples viram material precioso para previsões de comportamentos.
É o que relata Siva Vaidhyanathan, professor da Universidade da Virgínia em "A Googlelização de Tudo". Mestre em criar conexões invisíveis baseadas nos …

Jornais usam redes sociais, mas faltam regras

Os principais jornais do país já usam as redes sociais — Facebook, Twitter e YouTube — como ferramentas para acompanhar notícias, buscar personagens e fontes e checar boatos. Mas a maior parte ainda não tem uma política para disciplinar o uso dessas redes pelos jornalistas. A conclusão é de pesquisa feita pelo Grupo RBS e divulgada no seminário de comunicação digital "Os Desafios Éticos e Legais das Empresas Jornalísticas", realizado pela Associação Nacional de Jornais (ANJ) na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) em São Paulo. O evento reuniu representantes de O GLOBO, Grupo O Estado de S.Paulo, Grupo Folha, Grupo RBS, Gazeta (do Espírito Santo) e Gazeta do Povo (do Paraná). O diretor do Comitê Editorial da ANJ e diretor-geral de Produto do Grupo RBS, Marcelo Rech, destacou que a internet trouxe novas questões éticas: — Temos questões difíceis. A quem pertence um blog: ao jornalista ou à empresa? Quando o jornalista twitta, é uma relação pessoal? A empresa pode in…

Plágio: o que fazer?

Imagem
Compartilhamos para reflexão artigo de professor da Universidade do Porto sobre o plágio. Ele foi publicado na RevistaPontoCom. Boa leitura!




Por Joaquim Luís Coimbra
Professor na Faculdade de Psicologia da Universidade do Porto, Portugal


A generalização das práticas de plágio é, entre outros aspectos, um sinal positivo dos tempos que correm. Entendamo-nos: mais jovens e mais diversos, quanto a muitas das suas características pessoais e sociais, acedem, hoje em dia, ao ensino superior, o que configura um fenómeno de massificação, ainda que não de democratização. A Universidade perdeu uma parte de elitismo que, no passado, foi a sua marca distintiva. Os modos de socialização para a vida académica também se diversificaram, as proveniências sócio-económicas e culturais dos alunos alargaram-se: jovens com níveis bem distintos de capital social encontram-se na Universidade. A contrapartida de tal diversidade é que trouxeram para o contexto académico novos comportamentos, atitudes, necessidades …

Biblioteca Online de Ciências da Comunicação

Imagem
Conheça a Biblioteca Online de Ciências da Comunicação e facilite suas buscas na área da comunicação com as melhores opções de títulos e pesquisas. http://bocc.ubi.pt/

Dica de revista publicação digital

Imagem
Dica de revista digital: Medios y Enteros  Revista digital da Comunicação Social da UNR (Universidad Nacional de Rosario)

Editor responsable: Escuela de Comunicación Social. 
Directora de la carrera: Elizabeth Martínez de Aguirre.
Dirección Periodística: Silvana Comba y Edgardo Toledo
Coordinación de Contenidos: Erica Galli
Producción Periodística: Erica Galli, Mariano Abrach, Marianela Mennelli,  Valeria Miyar,  Leticia Giaccaglia, Magalí Sinopoli,  Delfina Toledo, Sebastián Stra, María Laura González Olalde, Germán Villareal, Mateo Fabre, César González, Jorge Olivera, Humberto  Capriccioni, Andrés Cánepa, Gisela D'Addiego, María Amalia Frana Bisang, Paolo Luca, Jesica Rodríguez y Natalí Santoni.     
Diseño Gráfico: Joaquín Paronzini

http://www.mediosyenteros.org.ar/

CanalUNED e TVE2, da Espanha, divulgam vídeo histórico com pioneiros da educomunicação

Imagem
Os especialistas Prieto Castillo Daniel (Argentina), Guilherme Orozco (México) e Ismar de Oliveira Soares (Brasil) foram entrevistados por Roberto Aparici (UNED - Espanha) nos estúdios da TVE, de Madri, Espanha, no dia 11 de outubro de 2011. Durante o encontro, os pesquisadores debateram o conceito da Educomunicação, contextualizando-o na história da luta do continente pelo direito de expressão. O debate demonstrou a legitimação do conceito no continente latino-americano, oferecendo informações sobre as especificidades de sua aplicação em diferentes situações. Para Aparici, o vídeo se transformou num documento histórico sobre o conceito. Acesso ao vídeo: http://www.canaluned.com/#frontaleID=F_RC&sectionID=S_TELUNE&videoID=7881 Fonte do texto acima e para ver notícia sobre o encontro: http://www.cca.eca.usp.br/noticia/1033

Obra organiza literatura especializada sobre Educomunicação

Imagem
Analisar as necessidades do ensino médio, bem como as possíveis contribuições dos profissionais da Educomunicação para a sua melhoria, com foco voltado, sobretudo, para o trabalho desenvolvido pelas escolas públicas. Estas são as principais metas do livro Educomunicação: o conceito, o profissional, a aplicação - contribuições para a reforma do Ensino Médio, de Ismar de Oliveira Soares, lançado recentemente, pela Editora Paulinas. Outra meta é contribuir com algumas respostas aos desafios enfrentados pelo governo federal para melhorar o ensino médio
"Trata-se de um conjunto de reflexões sobre ações e projetos que podem vir a ser desenvolvidos pela Educomunicação em resposta aos desafios impostos pela reforma do ensino médio proposta pelo Ministério da Educação", explica o autor, que é professor e chefe do Departamento de Comunicações e Artes (CCA) da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP) e um dos criadores da Licenciatura em Educomunicação, nov…

Projeto Educomunicativo "Rádio pela Educação" (Santarém, PA) ganha Prêmio Itaú Social/UNICEF

Imagem
O projeto Rádio pela educação, iniciativa de prática educomunicativa da Diocese de Santarém, desenvolvida através da Rádio Rural, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Santarém foi premiado na noite do dia 17 de outubro, como Vencedor da Nona Edição do Prêmio Itaú-Social / UNICEF, na etapa Regional, em Belém. A Cerimônia de Premiação aconteceu no auditório da Federação das Industrias do Pará – FIEPA. De Santarém, esteve participando o coordenador de articulação do Projeto Rádio pela Educação, Francisco Cesar Sousa Rêgo, juntamente com o diretor da Escola Boaventura Queiroz de São Bráz, Elias da Silva Mesquita, que esteve representando todas as escolas parceiras desta tecnologia social. Neste ano, o Prêmio Itaú Social – Unicef está reconhecendo projetos e ações sócioeducativas que contribuem para a educação integral de Crianças e Adolescentes no contraturno escolar, envolvendo escola e comunidade. O Tema do Prêmio “Educação Integral: experiências que transformam” contempla…

Tirinhas para a sala de aula

Imagem
Conheça o site Cartoons for the Classrooms (http://nieonline.com/aaec/cftc.cfm) e experimente levar quadrinhos para a sala de aula. Você pode baixar lições, tirinhas, vídeos, conhecer a História a partir de cartoons, entre outras possibilidades. Pena que o site não é em português. Mas se você pensar de forma positiva, pode ser uma boa maneira de aprender ou melhorar seu inglês ; )

Crianças brasileiras são as mais jovens a entrar em redes sociais, aponta pesquisa

Imagem
Crianças brasileiras são as que entram mais cedo em redes sociais -- com a idade média de nove anos -- de acordo com uma pesquisa feita em sete países. O estudo “Internet Safety for Kids & Families” (Segurança de Internet para Crianças & Famílias), feita pela empresa de segurança Trend Micro, aponta também que os pais brasileiros são os menos rígidos: cerca de seis em cada dez filhos dos entrevistados podem ter perfis nesse tipo de site. No Japão, por exemplo, o número cai para um entre dez.




A idade média mundial em que as crianças entram nas redes sociais é de 12 anos, fato curioso porque o Facebook, um dos sites citados na pesquisa, estipula a idade mínima de 13 anos para a criação de um perfil. Enquanto no Brasil as crianças começam a usar esses sites por volta dos nove anos, na Índia isso ocorre numa idade próxima aos 14 anos, já na adolescência. Apesar de serem mais permissivos, os pais brasileiros, de acordo com a pesquisa, também são os mais preocupados com a privacidade …

Sobre o Medo....

Imagem
Sobre o medo....reflexões de Mia Couto nas Conferências do Estoril 2011 sobre Desafios Globais, Respostas Locais, de 4 a 6 de maio de 2011.
O programa foi composto por 4 conferências com oradores convidados e 4 painéis temáticos:
Painel 1: A Arquitectura da Governação Global; 
Painel 2: Depois da Crise?; 
Painel 3: Ameaças Globais: Desafios para a Segurança Humana (o que Mia Couto participou) e Painel 4: Globalização e Políticas Internas.


Anais do Confibercom trazem artigos completos sobre Educomunicação

Notícia boa compartilhada com a colega educomunicadora Antônia Alves e a turma da ECA/USP: Já estão disponíveis os anais do Confibercom – I Congresso Mundial de Comunicação Ibero-Americana – que aconteceu entre os dias 31/07 e 04/08, em São Paulo-SP.  Foram dois dias dedicados à Educomunicação (Sessão Temática ST 15) coordenado pelo professor Ismar de Oliveira Soares. Para saber mais informações sobre o Confibercom acesse: http://www.cca.eca.usp.br/search/node/confibercom Para acessar os artigos integralmente clique nos títulos abaixo ou acesse o link: http://confibercom.org/anais2011/sessao_15.html Almeida, Lígia Beatriz Carvalho dePráticas de educação para a mídia na formação básica de jornalistas

Arango, Ana María TobónPrensa Escuela, herramienta para la formación ciudadana

Colombo, Macri Elaine; Levy, Denize Piccolotto CarvalhoAs dificuldades na elaboração de um projeto experimental nos cursos de jornalismo

Fernandez, Rogério Garcia; Januário, Carlos; Ferreira, Carlos; García, Francisco …

Reflexões com Mafalda!!!

Imagem
Mafalda e sua turma nos fazem refletir sobre liberdade 


Ismar Soares fala sobre Educomunicação em vídeo para a Aberje

Imagem
No dia 20 de setembro de 2011, o professor pós-doutor da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, Ismar de Oliveira Soares, participou da terceira edição do projeto Aberje COMO! para falar sobre "Como educomunicar".


Compartilhamos acima esse vídeo da Aberje, que é a Associação Brasileira de Comunicação Empresarial e, abaixo, o texto que foi publicado no blog da associação sobre o professor Ismar.


"Ele coordena a licenciatura de Educomunicação, que prevê formar profissionais para trabalhar em vários setores, com ênfase na interface entre mídias e educação. A nova área surgiu nos anos 60, como interface entre práticas sociais e profissionais no uso de linguagens e procedimentos comunicativos preocupados com a questão da cidadania e algumas bandeiras até então não discutidas, como a sustentabilidade e a diversidade sexual. Trata-se de um campo de agir profissional, agora com base acadêmica organizada para uma gestão especial dos processos de comunicação e…

I Congreso Internacional de Comunicación y Género acontece em março de 2012, em Sevilha/Espanha

Imagem
I Congreso Internacional de Comunicación y Género acontece em Sevilha, entre os dias 5 e 7 de março de 2012, em Sevilha, Espanha, na Faculdade de Comunicação da Universidade de Sevilha.
As inscrições para envio de trabalho estão abertas de 1º de outubro a 22 de dezembro. Segundo informações do site oficial do congresso, os temas oficiais são:
La construcción y comunicación de las identidades de género a través de la literatura, la filosofía,  la historia, la religión y la mitología.

El marco legislativo internacional, nacional o local en materia de igualdad de género y su aplicación a las políticas de comunicación social.

La mujer en la vida social, política y económica y su representación en los media.
Identidades femeninas en el contexto multicultural y de las tres culturas del mediterráneo y su reflejo en los medios de comunicación.
La mujer en el discurso cultural y social de los medios de comunicación. Proyecciones de las identidades femeninas en los distintos formatos comunicativos.
El…

Apresentações 1o dia Colóquio Brasil Portugal

Imagem
Compartilhamos no link abaixo as apresentações do primeiro dia do Colóquio Brasil Portugal - Educação  e Tecnologia.




O II Colóquio Brasil Portugal sobre Educação e Tecnologia, uma iniciativa do Programa de Pós-Graduação em Educação: Currículo da PUC-SP,  aconteceu nos dias 5 e 6 de outubro de 2011, e contou com a participação do diretor do Instituto de Educação da Universidade do Minho, professor Leandro e a pesquisadora Maria Cristina Joly da Universidade São Francisco, que investiga o tema das Competências TIC dos professores.

O evento foi coordenado pela Profa. Maria Elizabeth Almeida da PUC/SP junto com o Prof. Bento Duarte da Silva.


Veja as comunicações: http://ht.ly/6VIv e as transmissões: http://www.ustream.tv/channel/cedpuc

A gravação pode ser vista no mesmo endereço online
Apenas parte da palestra da profa. Beth pode ser vista em http://www.ustream.tv/channel/iicolbrpt


E, tudo que aconteceu no twitter, você pode ver aqui: Tag #IIcolbrpt]
Fonte: WebCurriculo

Media Literacy

Imagem
Notícia boa para quem tem interesse pela área de Mídia-Educação ou Educomunicação. O livro Media Literacy and New Humanism, dos professores e pesquisadores Pérez Tornero (que tive o prazer de ser aluna) e Tapio Varis, está disponível em PDF para download. 
A obra foi publicada em 2010 pelo Institute for Information Technologies in Education (IITE) no âmbito da série de monografias "Theoretical Aspects of ICT in Education". A dica foi da colega Sara Pereira, da Universidade do Minho, Portugal.
Para acessar o livro, basta clicar aqui!

Quadrinhos e homofobia

Imagem
Você conhece a tirinha do Anderson Lauro? Ela é publicada todas as sextas no jornal O POVO, do Ceará. O Anderson Lauro é um personagem único. Como o próprio autor descreve, o Anderson Lauro é um "menino lindo" que não larga seu ursinho PomPom. 
Conheça o personagem (que tem perfil no Facebook), divirta-se e, quem sabe, leve-o para sua sala de aula. Pode ser uma boa maneira de discutir diversidade. 



Reflexões com Mafalda!

Imagem
Mais um vídeo com nossa mascote de reflexões sobre a mídia, a educação, o comportamento humano, a política, o mundo...MAFALDA!!!!!


Resgate e reflexão na educação

Imagem
Por Marcus Tavares - RevistaPontoCom Os pontos de vista de grandes nomes da Educação e do trabalho, como Gaudêncio Frigotto, Pablo Gentili, Antonio Nóvoa, Jurjo Santomé, Hésio Cordeiro, Ricardo Antunes, Juana Sancho, Nilda Alves, Sonia Kramer, Célia Linhares, Peter Mc Laren, Dominique Colinvaux e Miguel Arroyo, que por dois anos povoaram as edições dominicais do Jornal do Brasil, no caderno Educação & Trabalho, tornaram-se fonte de uma análise minuciosa do cenário da virada do século XX para o XXI. Análise minuciosa que deu origem ao livro Educação & Trabalho – O papel da escola e a qualificação para o mercado (Editora Vieira & Lent) .A autora, a jornalista e professora Eliane Bardanachvili, que também foi uma das editoras do antigo caderno do JB, explica que a obra tem como ponto de partida  as 104 entrevistas publicadas pelo caderno, que circulou aos domingos, de 1999 a 2001. Com apresentações da educadora Maria Ciavatta Franco e da jornalista Ana Lagôa, o livro traz à ton…